[?]
  Brasil

Campanha Gaúcha

[ampliar]

Positivo 0% Recomendam

Negativo 0% Não Recomendam

Avaliação Média
dos Produtos

79,8
Bom
 
Quem marcou como favorito? (2)
 

Dados gerais

Localização

Oeste do estado do Rio Grande do Sul, Brasil

Latitude

31º00’S

Longitude

55º00’O

Altitude

De 100 a 300 metros

Solo

Arenito; mediamente férteis.

Clima

Temperado sub-úmido; verões quentes e secos.

Chuva anual

1.388 mm

Produção

-

Superfície

Colinas Suaves.

Área plantada

700 hectares em 2004

Descrição

A campanha, próxima à divisa com o Uruguai, se estende de Bagé até Santana do Livramento. Com paisagem típica do pampa gaúcho, formados por campos situados em coxilhas, é uma região que tradicionalmente esteve ligada à exploração da pecuária, despontando agora também como uma das regiões vitivinícolas brasileiras produtoras de vinhos finos. Caracteriza-se por estar em altitudes ao redor dos 300 metros, com uma viticultura localizada em coxilhas de baixa declividade, facilitando a mecanização dos vinhedos.

Região de clima temperado sub-úmido, possuindo verões relativamente quentes e secos em relação ao padrão climático do Rio Grande do Sul, diferenciando-a das demais regiões vitivinícolas brasileiras. As diversas formações geológicas da região deram origem a solos normalmente de média profundidade e de média fertilidade.

A região da Campanha Gaúcha se estende ao longo da fronteira com o Uruguai, tendo como principais referências os municípios de Bagé, Dom Pedrito e Santana do Livramento.

Histórico

O início da vitivinicultura se deu ainda em 1974, quando a multinacional Almadén se estabeleceu na região com base em um estudo que indicava a Campanha como área propícia para o cultivo de uvas para vinhos finos. Por muito tempo, a empresa se manteve como uma das únicas produtoras da Metade Sul, juntamente com a Vinícola Riograndense, em Pinheiro Machado. Mas os mesmos motivos que provocaram os primeiros investimentos levaram outras empresas a também se interessarem pelo local. Com o estímulo de uma linha de financiamento do BNDES específica para o cultivo de uvas, em 1999, e de um seminário que divulgou as potencialidades da Metade Sul, no mesmo ano, empresas do Vale dos Vinhedos e agricultores locais iniciaram novos investimentos.

Aviso. Não podemos garantir que as informações nesta página estejam 100% corretas. Leia mais